#Mémoire(s)

#Mémoire(s) é uma parceria estratégica Erasmus+ escolar 2015-2018 entre estabelecimentos escolares de seis países europeus: Alemanha, Espanha, França, Grécia, Itália e Portugal.

Este projeto tem como objetivo sensibilizar os alunos para os desafios das questões sobre a memória, dar a conhecer a sua História, afirmar a sua identidade europeia e incutir-lhes o sentido crítico para agir como cidadãos europeus e partilhar um futuro comum.

Neste âmbito, são propostas atividades pedagógicas centradas na descoberta da memória individual (transmissão intergeracional) para atingir questões mais complexas à volta da memória coletiva (herança e património europeus). Cada uma das atividades dará lugar à produção de material pedagógico concebido pelos alunos e com direito livre de acesso.

Permite, além disso, desenvolver um conjunto comum de competências de base e transversais, tais como a prática da língua francesa (língua do projeto) e outras línguas da parceria; o espírito de empreendedorismo, a autonomia e a iniciativa (pedagogia do projeto, responsabilização dos alunos nas diferentes tarefas, estágios em empresa) ou ainda o domínio das técnicas convencionais da informação e da comunicação (produções multimédia, aulas virtuais…).

#Mémoire(s) é também um poderoso meio de práticas inovadoras para os professores, através da criação de uma célula de apoio à inovação e à experimentação pedagógicas.

Além da parceria estabelecida, os estabelecimentos têm por missão desenvolver uma rede baseada na experiência de atores locais e partes envolvidas pertinentes para o projeto (especialistas, empresas, coletividades…).

Seis encontros transnacionais foram programados no sentido de assegurar a gestão do projeto, de desenvolver atividades de aprendizagem articuladas com a especificidade do estabelecimento e do país de acolhimento e, ainda, de propor aos alunos uma imersão em família.

O produto final é a elaboração de uma plataforma europeia de partilha de recursos educativos livres (REL), um acesso único aos diferentes materiais de aprendizagem produzidos durante o projeto mas também a qualquer outro REL produzido na Europa. Este banco de dados inscreve-se na ideia da transmissão, do “vestígio”, na existência de lugares de memória europeus consagrados à educação.

Para assegurar o seu desenvolvimento e a sua valorização, a parceria utiliza ferramentas colocadas à disposição pela Europa (eTwinning, plataformas de divulgação, Europass).

Por último, numa abordagem de qualidade, uma avaliação regular aferirá o impacto do projeto na comunidade educativa, nos alunos e nas partes envolvidas.

 

Patrick ROUMAGNAC

Bénédicte Hautbois

Canopé de Clermont-Ferrand - Pupitre Ecoles